Perícia Contábil: a contribuição do contador para a Justiça

 

A Contabilidade possui uma importante característica de atuação: ela contribui com várias outras áreas e ciências, como Administração e Direito, por exemplo. São conhecimentos e técnicas que se somam, resultando em um trabalho competente e responsável.

Uma função que necessita de constante aprimoramento e aperfeiçoamento, a Perícia Contábil vem atraindo cada vez mais a atenção dos profissionais de Contabilidade. O perito contador, contratado pelas partes ou indicado pelo juiz para fazer laudos sobre um determinado caso, é essencial para a solução de litígios na Justiça. Pela definição da Norma Brasileira de Contabilidade, a Perícia Contábil é “o conjunto de procedimentos técnicos, que tem por objetivo a emissão de laudo sobre questões contábeis, mediante exame, vistoria, indagação, investigação, arbitramento, avaliação ou certificado”. A Justiça recorre ao perito contábil quando o juiz necessita de um laudo profissional especializado ou para atender ao pedido de uma das partes envolvidas no processo. Muitas perícias na área da Contabilidade são hoje requeridas principalmente na parte de revisão de encargos financeiros contra bancos, e demais questões como leasing, condomínios, entre outros. A perícia é um meio de prova previsto no Direito, assim como a documental, a testemunhal e a do depoimento pessoal. Por isso, o perito contábil, além da condição legal, da capacidade técnica e da idoneidade moral, tem uma responsabilidade enorme, já que suas afirmações envolvem interesses e valores consideráveis.

Com uma atuação na área que soma mais de 10 anos, sei bem que para exercer essa nobre função com eficácia, é preciso profundos conhecimentos, e não apenas da área contábil, como de outras áreas correlatas como matemática financeira, estatística e tributária para assim atuar junto às justiças Civil, Trabalhista e Criminal.

Não dá para falar em um bom desempenho profissional, sem atrelarmos nossos conhecimentos ao constante aprimoramento e aperfeiçoamento. O resultado é simples: melhor trabalho pericial e justiça ao que se queira esclarecer. Sei que contribuo constantemente as decisões do Poder Judiciário. E é sempre importante que apresentemos aos contabilistas, principalmente aos recém-formados, mais essa possibilidade dentro da carreira contábil. Pensando na importância desta atuação, o Departamento de Desenvolvimento Profissional do Conselho Regional de Contabilidade de Goiás (CRC-GO) irá realizar nos dias 5 e 6 de junho o I Simpósio de Perícia Contábil de Goiás, com o tema O contador e a prova pericial no Poder Judiciário. Entre os palestrantes, renomados profissionais como juízes, advogados e peritos que debaterão a importância da prova pericial contábil em decisões judiciais.

Os interessados podem fazer suas inscrições no site do CRC-GO (www.crcgo.org.br). O nosso objetivo é levar cada vez mais informações que aprimorem os resultados do trabalho da nossa classe e, mais uma vez, agir em prol da valorização e reconhecimento da profissão contábil em Goiás e no País.






O CRC-GO sediou nos dias 28 e 29 de maio, o Seminário de Formação sobre Finanças Públicas e Educação Fiscal para Prefeituras, uma promoção conjunta da Associação Goiana de Municípios (AGM) e Grupo de Educação Fiscal de Goiás e Escola de Administração de Administração Fazendária (ESAF).

Leia mais






Durante o Seminário de Formação sobre Finanças Públicas e Educação Fiscal para Prefeituras, o presidente do CRC-GO, Elione Cipriano, concedeu entrevista para o jornalista Libório Santos. Na ocasião ele foi questionado sobre a Contabilidade Pública. Além de citar a forma de gasto do governo, Elione citou o ingresso do controle mais rígido do patrimônio na Nova Contabilidade Pública, que está alicerçada em uma legislação que existe de 1964 e até hoje está em vigor. Ele também mencionou a vertente do desenvolvimento profissional e a importância do profissional estar atento ao aperfeiçoamento e atualização, para excelência no exercício da contabilidade.

 

Leia mais







O CRC-GO realizou no último dia 29 de maio palestra sobre Administração Judicial em Falências e Recuperação de Empresas para Contadores, com o advogado falimentar Marco Túlio Alves, presidente da Comissão de Direito Empresarial da OAB-GO. O evento reuniu mais de 50 profissionais ávidos por informações e conhecimento na área. Após a apresentação, inúmeras foram as dúvidas e questionamentos do público presente, que tornou o momento interativo e rico em troca de experiências.

Leia mais




O Regulariza, Programa de Incentivo à Regularização Fiscal de Empresas em Goiás, esteve em Luziânia, Itumbiara e Morrinhos, nos dias 29 de maio, 2 e 3 de junho, respectivamente. De acordo com a Sefaz, o Regulariza é um programa diferente dos demais que a pasta adotou e até o governo federal, por atrair empresas que estão inscritas na dívida ativa e ainda estão em atividade. “É uma oportunidade para que voltem a atuar dentro da normalidade, podendo operar no mercado financeiro”, afirmou o secretário da Fazenda, José Taveira, em Luziânia. Outra inovação que destacou foi a remissão da dívida ativa total ou parcial permitida pelo programa, dentro dos limites fixados pela lei 18.459.

Leia mais




Técnicos da Juceg e das prefeituras de Goiânia e Anápolis testam as ferramentas necessárias para a entrada dos dois municípios na Redesim. “Nós discutimos as informações comuns aos sistemas da Junta Comercial e das prefeituras. A finalidade é que o usuário possa dar entrada apenas na Redesim, ao invés de ter que ir à Juceg fazer a consulta de nome e, depois, à prefeitura para realizar a viabilidade locacional”, explica o gerente de Tecnologia da Informação da Juceg, Silvio Miranda. Com a entrada de Goiânia e Anápolis na REDESIM o usuário fará tudo pela internet, por meio do portal da Junta Comercial.


Leia mais






O vice-presidente de Registro do Conselho Regional de Contabilidade de Goiás (CRC-GO), Rangel Francisco Pinto, representou o presidente do CRC-GO, Elione Cipriano, no Encontro de Professores e Coordenadores dos Cursos de Administração e Tecnologia (EPROCAD), que aconteceu no último sábado, dia 31.


Leia mais



Durante reunião do Conselho Protege realizada na manhã do dia 2 de junho, na Secretaria da Fazenda (Sefaz), os membros do conselho decidiram realizar workshop para contadores e empresários para apresentar o Fundo Protege e suas contribuições. O encontro ficou agendado para o dia 26 de junho, às 9h, na sede da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg).


Leia mais



Os empresários têm prazo até 25 de junho para aderir às novas regras do Produzir e Fomentar. O pedido deve ser encaminhado ao Conselho Deliberativo do Fomentar ou à Comissão Executiva do Produzir. A prorrogação do prazo dos incentivos goianos até 2040 ficou vinculada ao recolhimento, por parte da empresa interessada, de contribuição de 4% sobre o valor da parcela incentivada, pelo prazo de 30 meses consecutivos, ao Fundo de Proteção Social do Estado de Goiás (Protege Goiás).


Leia mais



O presidente do CRC-GO, Elione Cipriano, esteve reunido na manhã desta terça-feira (3) com o presidente da Junta Comercial de Goiás (Juceg), Alexandre Caixeta, e representantes empresariais de Luziânia – a delegada do CRC-GO, Shirlei de Castro Pereira, o conselheiro Lucas Tadeu Leite, o secretário de desenvolvimento econômico Marcos de Araújo Melo e o presidente da Associação Comercial (ACL), Evandro Casagrande – para tratarem sobre o atendimento e quadro efetivo do posto da Junta no município.


Leia mais


Câmara aprova projeto que inclui setor de serviços no Supersimples
Entre os serviços novos que entram nesse regime de tributação estão os relacionados a medicina, odontologia e psicologia.


Leia mais

Imposto na nota ainda é exceção
Perto do prazo final, obrigação legal de informar tributos nos preços de produtos e serviços é seguida por menos de 20% das empresas


Leia mais

 

Faculdade UniEvangélica contrata professor de Contabilidade
A Faculdade UniEvangélica está selecionando novos professores de Contabilidade para o quadro da instituição.


Leia mais

 

Informalidade ainda é grande, mas perde espaço no País
Índice de 2013 foi superior a 16% do PIB, mas ferramentas de fiscalização e políticas de estímulo à formalização estão reduzindo a ‘economia subterrânea’


Leia mais


 

Nova fase contábil afeta mais micro e pequeno empresário
Em vez de facilitar trâmites e reduzir a burocracia, a nova fase em que a contabilidade brasileira ingressa está tomando um rumo oposto.


Leia mais

 

Empresas escolherão modelo de tributação sobre o lucro
A Receita Federal publicou, nesta quinta-feira, 29, a Instrução Normativa 1.469 estabelecendo que as empresas podem optar pelo modelo de tributação sobre o lucro que usarão em 2014.

Leia mais

 

1º Exame de Suficiência de 2014: confira a lista dos aprovados
Nesta edição, mais de 55 mil candidatos se inscreveram para as provas. Resultado está disponível no site do Conselho e da Fundação Brasileira de Contabilidade

Leia mais


Brasil chegou a ter 5,2 milhões de empresas em 2012
O Cadastro Central de Empresas (Cempre) contava, em 2012, com um total de 5,2 milhões de empresas e outras organizações formais ativas.

Leia mais


Refis segue à sanção
Foram aprovadas, na tarde do dia 28 de maio, as emendas do Senado à Medida Provisória 638/14, que inclui parcelamento de débitos tributários, conhecido como Refis da crise.

 

Leia mais


IN 1.469/2014 e Lei 12.973/2014
A IN tratou de como proceder à opção pela aplicação das novas regras tributárias previstas na Lei nº 12.973 de 13 de maio de 2014, para o ano de 2014

 

Leia mais

 

Entenda o eSocial... enquanto há tempo
O governo prorrogou mais uma vez o início de operação do eSocial, mas as empresas não devem se acomodar. É hora de “arrumar a casa” para garantir a qualidade das informações a serem enviadas ao sistema


Leia mais


O futuro do técnico em contabilidade em xeque
Originalmente, era uma medida provisória que tratava apenas de incentivos para infraestrutura da indústria petrolífera. Nas idas e vindas das tramitações parlamentares, no entanto, a Lei 12.249, de 2010, passou a abarcar outros temas e atingiu diretamente o mundo contábil. Uma das muitas emendas inseridas na medida original determina que, a partir de 2015, só poderão obter registro profissional em Contabilidade quem tiver Ensino Superior.


Leia mais


 

Iº Simpósio de Perícia Contábil de Goiás - GOIÂNIA
Data: 05 e 06/06/2014
Estudantes 30,00 (Trinta reais)
Profissionais e Outros 100,00 (Cem reais)